Rua Marechal Deodoro tem bloqueio parcial de trânsito para montagem das arquibancadas do Carnaval 2020

Uma das faixas será fechada a partir deste sábado (15); desfile e ensaio das escolas de samba de Curitiba ocorre nos dias 21, 22 e 23. Bloqueio parcial de trânsito na Rua Marechal Deodoro, para montagem das arquibancadas do Carnaval 2020, em Curitiba
Valdecir Galor/SMCS
O trânsito na Rua Marechal Deodoro, no Centro de Curitiba, terá bloqueio parcial a partir deste sábado (15), segundo a Superintendência de Trânsito (Setran).
Uma das faixas será fechada para a montagem das arquibancadas, que fazem parte da estrutura do desfile das escolas de samba, que ocorre nos dias 22 e 23 de fevereiro.
Segundo a Setran, a estrutura será montada no trecho da Rua Marechal Deodoro que fica entre a Rua Barão do Rio Branco e a Avenida Marechal Floriano Peixoto.
A montagem ocorre deste sábado até quinta-feira (20), das 8h às 22h. Agentes da Setran orientam o trânsito no local. Durante o período, até que ocorra o desfile, a faixa de estacionamento da rua e uma das faixas do lado esquerdo ficam bloqueadas.
Desfile das escolas de samba de Curitiba ocorre na Avenida Marechal Deodoro, em Curitiba
Cido Marques/Prefeitura de Curitiba
Veja, abaixo, a programação do desfile das escolas de samba
Sexta feira (21/2)
Ensaio técnico das escolas de samba
Horário: das 20h às 22h
Local: Rua Marechal Deodoro (entre a Rua Barão do Rio Branco até a Avenida Marechal Floriano).
Sábado (22)
Carnaval Nerd
Horário: das 12h às 15h
Local: Concentração na Praça Santos Andrade, e percurso pelas ruas João Negrão e Marechal Deodoro.
Baile público carnavalesco infantil
Horário: das 15h às 17h
Local: Rua Marechal Deodoro (da Barão do Rio Branco até Avenida Marechal Floriano).
Desfile das Escolas de Samba Grupo Especial e Blocos Carnavalescos
Horário: das 18h às 4h
Local: Rua Marechal Deodoro (trecho entre a Tibagi e a Dr. Muricy)
Domingo (23)
Desfile das Escolas de Samba Grupo Acesso e Blocos Carnavalescos
Horário: das 18h às 4h
Local: Rua Marechal Deodoro (trecho entre a Tibagi e a Dr. Muricy)
Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.


Fonte/Referência: G1